Palpites dos Óscares

PARABÉNS,
Isabel Dantas

PALPITES DOS ÓSCARES 2022

Parece que a sorte — e o cinema — estão do teu lado: foste o/a grande vencedor/a dos Palpites dos Óscares 2022. Ganhaste uma viagem para duas pessoas a Los Angeles.

Estás de olho no prémio? Então põe os olhos na programação: de 21 a 27 de março, estendemos a passadeira aos vencedores de Hollywood, na «Semana dos Oscares» — um especial composto por 7 filmes oscarizados (6 deles em estreia absoluta no canal), para ver ou rever ao longo de uma semana. Fica atento/a — em breve, revelamos tudo.

Entra em

Hollywood

Há 2 grandes motivos para a indústria cinematográfica estar concentrada em L.A.: o clima favorável às gravações e a distância de Nova York, onde morava Thomas Edison. Este último tinha controlo absoluto de muitas patentes de tecnologia necessárias para a produção cinematográfica, exigindo que lhe pagassem direitos — daí os cineastas quererem estar bem longe dele.

«Ben-Hur» (1959), «Titanic» (1997) e «O Senhor dos Anéis: O Regresso do Rei» (2003) foram os filmes mais premiados de sempre, com 11 estatuetas cada. O primeiro perdeu apenas numa categoria, o segundo perdeu em três categorias e o terceiro ganhou tudo para que estava nomeado. Já «Eva» (1950), «Titanic» (1997) e «La La Land» (2016) foram os mais nomeados, com 14 nomeações.

Parece difícil acreditar, mas Los Angeles nem sempre se chamou Los Angeles. No passado, quando a cidade foi fundada, chamava-se El Pueblo De Nuestra Señora la Reina de Los Angeles del Río Porciuncula. Para grande felicidade do nosso fôlego, o nome acabou por ser encurtado para «Los Angeles» ou «L.A.». Outros apelidos da cidade são: City of Angels, Angel Town, Lala land e The Big Orange.

Considerada a recordista dos Óscares, Meryl Streep conta já com 21 nomeações, tendo subido ao palco três vezes: Melhor Atriz Secundária por «Kramer contra Kramer» (1979) e Melhor Atriz por «A Escolha de Sofia» (1982) e «A Dama de Ferro» (2011). Peter O’Toole, apesar de contar com 8 nomeações de Melhor Ator, mas nunca Ganhou um Óscar Honorário em 2003.